Gilmar afirma que caso de “Amigo do amigo do meu pai” é tentativa de descredenciar STF

Em entrevista à TV Migalhas no VII Fórum Jurídico de Lisboa, o ministro Gilmar Mendes comentou caso que envolve o presidente do STF Dias Toffoli sobre a delação da Odebrecht em que o relaciona como sendo “amigo do amigo de meu pai”.

t

Para ele, embora não exista conteúdo danoso, o caso foi uma tentativa de descredenciar o STF criando suspeitas sobre o ministro.

Confira:

Veja a programação completa do evento.

Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Fonte: Migalhas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.