Magna Letícia anuncia primeiro voto na lista sêxtupla para o TRT21

Candidata mais votada na última eleição direta para vaga do Quinto Constitucional, a advogada Magna Letícia falou ao JURINEWS sobre o que espera do novo processo em curso, dessa vez para o Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte, quando os advogados potiguares vão escolher no dia 12 de julho a lista sêxtupla entre os 24 candidatos que postulam a vaga de desembargador na Corte trabalhista.

“Muito me orgulha ter sido a candidata mais votada em 2012 na eleição do Quinto do TJ-RN com 1.351 votos. Sempre tive a consciência que ocupar uma vaga como desembargador em um tribunal é algo honroso, mas de extrema responsabilidade. E a responsabilidade duplica, quando temos a ocupar uma vaga reservada à advocacia, indicados pela nossa própria categoria. Nenhum candidato pode esquecer disso ao ser investido no cargo. Ter uma trajetória na advocacia que represente com dignidade a nossa categoria e aliar capacidade, experiência, responsabilidade e ética. Por esse motivo entendo que a análise dos colegas devem passar pela observação desse histórico profissional”, disse Magna Letícia, uma das principais lideranças da advocacia potiguar, tendo disputado à Presidência da OAB-RN nas duas últimas eleições (2015 e 2018).

Ela defende que o advogado exerça seu direito de votar em até seis candidatos e já declarou seu primeiro voto. “Dentre os excelentes candidatos destaco Lúcia Jales que reputo ter as qualidades que um cargo de tamanha envergadura precisa. A  experiência e a militância de mais de 20 anos na advocacia e uma trajetória que dignifica nossa profissão e, mais de que isso, sempre foi e é uma mulher de posições firmes que nunca deixou de defender as bandeiras da advocacia. Meu primeiro voto com muita satisfação é dela. Tenho certeza que Lúcia Jales honrará cada voto e a toga que vestirá. “.

Fonte: JURINEWS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.